agosto 30, 2011

O Pequeno Gato com Café



Petit gateau ao Café

    Pedir um cafezinho não é uma coisa simples na Itália. Você precisa saber o que quer exatamente e o nome. Podendo escolher entre espresso, caffe macchiato, caffe lungo ou corto, cappuccino, caffe americano, caffe latte, latte macchiato, caffe correto, caffe al vetro e para os dias de muito calor um shakerato ou café freddo é facil fazer confusão e acabar se enrolando no pedido. Sem contar com sabores adicionais de gengibre, limão, cacau etc. E não pense que as máquinas automáticas de café simplifiquem a tarefa.





     Uma vez me vi diante de uma dessas máquinas maravilhosas com 3 colunas de botões, cada coluna com 5 deles. Tinha café para todos os gostos, mas o botão do café com leite não tinha. Tudo, menos isso. Acabei pedindo para um italiano fazer a “tradução” dos cafés para mim. Sim, no fim tudo é café mas a variação é na quantidade de água, por isso longo (comprido) ou corto (curto), e a quantidade e densidade do leite: café com leite (sem espuma e ralo), versus cappuccino (com espuma e denso). Querendo só um cafezinho, peça o café expresso e se prepare para ficar acordado, pois é o nosso cafezinho à décima potência de cafeina.
    Com café em mente, decidi fazer uma receita que levasse chocolate e café. Uma receita bem rápida e que certamente agradará a todos – ou quase – é este petit gateau (que na França se chama moelleux au chocolat). É um ótimo 'dois em um', afinal um prazeroso almoço ou jantar tem que acabar com um docinho e um cafezinho.
   
    Então, mãos à massa...ah sim, a minha assistente de fotografia esta ao meu lado insistindo para que eu esclareça que
gateau é bolinho em francês e não gato, como eu falo de brincadeira...



P.S. Em breve o blog terá também versão em inglês.

Ingredientes





- 250g manteiga sem sal
- 250g chocolate meio-amargo
- 250g ovo (5 ovos inteiros)
- 100g gema (5 gemas)
- 165g açúcar
- 100g farinha de trigo
- 5g café soluvel instantâneo cafeinado/descafeinado
- 15ml água quente
- manteiga para untar

Modo de Fazer
 
Antes de tudo
- untar as forminhas com manteiga e colocar na geladeira, enquanto se prepara o doce
- ligar o forno a 250°C


1- Derreter a manteiga e o chocolate em banho-maria ou no microondas, prestando bastante atenção para não queimar o chocolate.
Se você fizer no microondas, colocar em 2 potes separados e, depois de derretidos, juntar e misturar bem. Se fizer em banho-maria, deixar o fogo baixo e sem a água encostar no recipiente onde estão o chocolate e a manteiga, colocando o chocolate antes.




2- Num pote grande, bater o ovos inteiros e as gemas com o açúcar.



3- Juntar a farinha.




4- Se você usou uma batedeira elétrica, esse é o momento em que você vai parar de usá-la. Utilize um batedor de arame para misturar o café dissolvido na água quente e a mistura de chocolate com manteiga, até que a mistura fique homogênea.




5- Colocar na forma untada com manteiga e, querendo, você pode deixar uma meia hora na geladeira, antes de assar.




6- Na hora de assar, levar ao forno pré-aquecido a 250°C e assar por 4 a 5 minutos. Depois disso, tomando muito cuidado, retirar do forno imediatamente e decorar, dando asas à imaginação: ou com açúcar de confeiteiro ou com uma cobertura de chocolate, acompanhado de uma bola de sorvete, por exemplo.

O tempo assando depende do tipo de forno que a pessoa tem. Na receita, diz para ficar de 4 a 5 minutos... aqui em casa, demorou um pouco mais. A dica é a seguinte: quando você reparar que a parte central do doce nao está mais liquida/cremosa, pode desligar o forno e retirar o doce da forma e servir.



Bom apetite! 

agosto 22, 2011

Plum-Cake de Arroz com Gotas de Chocolate




Oi gente,


    Caramba! Que calor que está fazendo aqui esta semana! Nesses últimos dias a temperatura  passou dos 40°C... ainda bem que o verão não é úmido como no Rio... se fosse, eu não estaria aqui, postando... estaria por ai, procurando alguma geladeira tamanho família para entrar nela. Por este motivo, a escolha desta semana foi novamente uma receita mais leve que, infelizmente, para os chocólatras de plantão, tem pouco chocolate. Mas tem uma coisa diferente: a farinha de arroz, que é um ingrediente que não contém glúten.
    A primeira vez que fiz (ontem à noite) ficou meio estranha... gostosa mas estranha, tinha alguma coisa que eu olhava pra ela e ficava com a pulga atrás da orelha. Daí, resolvi refazê-la hoje de manhã. Sabe quando você já tá mais seguro(a) fazendo alguma coisa e se esquece de prestar atenção nos passos, porque acha que é tudo muito parecido, uma receita com a outra? Pois é, acho que foi o que aconteceu comigo e ao fazer de novo reparei nos meus erros.
    Por exemplo, ontem eu tinha usado um açúcar que tinha o grão um pouco mais grosso. Quando fiz hoje, usei um açúcar com o grão mais fino e ficou melhor.
    Nesse calor que tem feito aqui, fica difícil manter a cabeça no lugar pra fazer as coisas com mais precisão... e fazer doce com essa temperatura não é fácil. Com o forno ligado a 180-200°C, você tem que fazer tudo rápido e acaba se distraindo. Portanto, pra você não ter que jogar o trabalho no lixo ou pagar aquele mico quando as pessoas estiverem provando a receita com a qual você espera arrasar, preste muita atenção quando estiver fazendo algum doce. Preste atenção se, por exemplo, você está pegando o sal, ao invés de açúcar ou, quando for fazer uma receita e não estiver usando as medidas escritas no livro, lembre-se das proporções que estiver usando. A melhor coisa, nesses casos, é escrever as medidas sendo usadas e depois, seguir o passo a passo da receita. Quanto menores as medidas, mais difícil fica de fazer a receita, ao menos pra mim.
    Antes que eu me esqueça, vocês vão achar estranho que a quantidade de ovos da receita e a que se vê nas fotos, não é a mesma. Foi porque eu fiz exatamente o que falei agora há pouco, reduzi as medidas da receita à metade, pois essa receita rende duas formas e eu quis fazer uma só.



Bom, vamos parar de enrolar e mãos a massa!



Ingredientes




Para 2 bolos
- 300g farinha de arroz
- 300g manteiga
- 300g ovo (6 unidades)
- 250g açúcar de cana
- 100g gotas de chocolate amargo ou chocolate amargo cortado em pedaços
- 5g fermento em pó
- 5g sal
- 1 fava ou 5ml de essência de baunilha
- raspas da casca de 1 limão (eu usei o nosso verdinho porque prefiro, mas você pode usar o amarelo, é questão de gosto)

Modo de fazer




1 - Bater a manteiga e o açúcar com a batedeira elétrica. Colocar o açúcar aos poucos e, toda vez que adicionar, esperar que seja absorvido pela manteiga.


2 - Adicionar o sal diluído em uma colher (sopa) de água (15ml); cortar a baunilha no sentido longitudinal e raspar as sementes, adicionando à mistura de manteiga-açúcar-sal, juntamente com a casca de limão raspada. Se você usar a essência de baunilha é só coloca-la e bater junto com a água. Adicionar um dos ovos e bater bem antes de passar para a próxima etapa, deixando que a mistura fique bem homogênea.








3 -
Continuar a bater, alternando os ovos com a farinha e o fermento (os pós previamente peneirados e misturados). Juntar as gotas de chocolate à mistura, misturando delicadamente com uma espátula.



4 - Se você tiver formas daquelas que não precisa passar manteiga e farinha (silicone ou qualquer outro material antiaderente), coloque a mistura direto na forma e asse em forno pré-aquecido a 180°C. Caso você não tenha essas formas, você tem outras duas opções: uma delas é forrar duas formas de pão de forma com papel manteiga; a outra é usar o mesmo tipo de forma, untar com manteiga e depois polvilhar farinha, para que o doce sai fácil, sem grudar na forma. Pra mim, essa é a última opção.

5 - Quando for assar, coloque no forno pré aquecido a 180°C. Passados os primeiros 15 minutos retirar o doce do forno e fazer um corte (superficial, não corte até o fundo da forma) no sentido do comprimento usando uma faca com a lâmina suja de manteiga. Recolocar no forno e assar por mais 25 minutos.





Bom apetite e até semana que vem!!

agosto 15, 2011

CupCake, simples assim.


Oi gente....

segunda-feira é dia de receita. Desta vez eu resolvi colocar em pratica uma ideia que eu estava querendo colocar aqui no blog, uma receita incompleta, isso mesmo, incompleta. Não é que eu vou colocar uma parte da receita e outra no proximo post, o que será feito vai ser o seguinte: vou colocar a receita do doce até o final mas a decoração vai ficar por conta de vocês. Desta vez resolvi optar pela simplicidade.
Semana passada eu estava me perguntando o que eu poderia colocar que fosse rápido e pratico de fazer, sem aquelas horas intermináveis na geladeira, para descansar, chegar na consistência ideal, etc. Resolvi o meu problema quando me lembrei dos famosos cupcakes. Esses carinhas que viraram febre e eu nunca tinha feito antes. Já tinha pensado em fazer mas sempre achava alguma outra coisa que me interessava mais.
Quando comecei a fazer, lembrei que no último inverno daqui da bota estava numa livraria  na parte de livros de doces quando, de repente, escuto duas senhoras que estavam perto, falando: “Cupcakes, humpf... quem é que come isso?!?!?” com aquele tom de voz que queria dizer “isso é coisa de americano... aqui na Itália ninguém vai comprar esse livro porque ninguém come isso!” Realmente, aqui nas terras do Berlusca, a moda de cupcake não pegou porque eles são muito tradicionais enquanto no Brasil, estamos sempre procurando por inovações.
Bom, voltando ao assunto da semana, é uma receita bem rápida e você pode fazer quando alguém aparecer de surpresa na sua casa ou quando bater aquela vontade desesperada por algum doce no meio da tarde, quando for tomar o cafezinho ou fazer um lanchinho... ou então como sobremesa para um jantar e ainda servir quentinho, logo que sair do forno...

Bom, vamos parar de enrolar e mãos à massa....


Ingredientes



- 125g iorgurte
- 3 ovos (aproximadamente 150g)
- 140g açúcar demerara
- 170g farinha com fermento
- 150g manteiga
- 20g cacau amargo em pó
- 1 colher (chá) essência de baunilha (5mL)

Modo de Fazer

Preparo: 20' | Tempo no Forno: 20' | Dificuldade: fácil | Rende: aproximadamente 10 unidades

1- Misturar e bater o iogurte, os ovos o açúcar e a baunilha.




2- Depois de bater os ingredientes, juntar a farinha e o cacau, sem misturar muito e, depois a manteiga derretida.


3- Colocar em forminhas de papel ou de alumínio (estas se você quiser tirar depois e servir sem a forma).


4- Colocar no forno pre-aquecido a 190°C por 20’ (minutos). Na metade do tempo, girar a prateleira onde estão as forminhas.




5- Tirar do forno e esperar que esfriem um pouco.



Legal, os cupcakes estão prontos... e agora?




Não fique desesperado se os cupcakes tiverem se transformado em pequenos vulcões, você pode tranquilamente cortar a parte de cima e colocar alguma cobertura. Querendo, pode colocar creme chantili ou a cobertura de chocolate da receita Chocolate+Arte=Chocolarte com coco ralado, por cima... como eu sempre falo, o negocio é dar asas a imaginação. Eu, sinceramente, prefiro ele sem nada em cima... adorei... apesar de parecer seco ele fica molhadinho... uma delicia... só de lembrar já dá vontade de ir fazer mais pra comer todos... :)





Bom Apetite

agosto 08, 2011

Panna Cotta com Chocolate ao Leite


Salve,
 
        eu estava dando uma olhada aqui no que já tinha postado no blog, pra procurar uma receita com alguma coisa diferente. Ai, percebi que ainda não fiz nada com chocolate ao leite, o que acabou sendo uma coisa natural, porque eu gosto mais do chocolate amargo, principalmente o 70%. Eu já coloquei até receita com chocolate branco, que tecnicamente não é considerado chocolate porque não tem massa de cacau. Para ser considerado chocolate tem que ter leite, manteiga de cacau e massa de cacau.
        Procurando a receita desta semana eu bati o olho e falei: “é essa!”. A Panna Cotta é um doce super tradicional aqui na Itália. Nasceu no Piemonte (região no norte da Itália) e, hoje em dia, é um dos doces mais tradicionais da bota. Tem em todo e qualquer restaurante. Eles não sabem viver sem, principalmente no verão. Geralmente, é servida com uma cobertura de caramelo, chocolate ou frutas vermelhas. Panna significa creme de leite e Cotta significa cozida.
        Essa receita é de um doce que eu adoro e já fiz várias vezes. Faço sempre a clássica e depois coloco alguma cobertura, pra dar sabor. Como o blog é de receitas com chocolate e estava faltando o chocolate ao leite, ai vai... Espero que vocês gostem!



Mãos à obra.

Panna Cotta com Chocolate ao Leite

Ingredientes

 

- 200ml leite
- 200ml creme de leite fresco
- 100g chocolate ao leite (você também pode usar chocolate branco, no lugar do chocolate ao leite)
- 10g gelatina neutra (sem sabor)

Modo de Fazer

Serve: 5 pessoas | Preparação: 20' | Descanso: minimo 2 horas


antes de tudo
colocar a gelatina de molho na água por 10-15 minutos.


1- Levar o leite e o creme de leite fresco ao fogo e, assim que começar a ferver, tirar.
 

2- Colocar o chocolate (em pequenos pedaços) na panela com a mistura de leite e creme de leite, misturando até que o chocolate esteja completamente derretido.

3- Tirar a gelatina da água, espremer bem (para retirar o excesso de água), e misturar com o composto de chocolate, leite e creme de leite.



4- Quando terminar de homogeneizar, colocar em potes – que podem ser desde um pirex pequeno, copinhos tipo “shot”, ou ainda copos maiores, como o do post Arte+Chocolate=Chocolarte, enfim, como sempre o negócio é dar asas à imaginação – e deixar na geladeira por, pelo menos, 2 horas. Eu sempre prefiro deixar de um dia para o outro ou fazer de manhã e servir à noite.
 


Se você quiser tirar da forma, quando for servir, coloque-a no congelador por uma meia hora, antes de preencher com a mistura líquida. Depois, quando for servir, pegar a forma com o doce e colocar rapidinho num recipiente com água quente.

Bom Apetite



Variações/Sugestões

- se gostar, troque o chocolate ao leite pelo branco.
- para o chocolate branco você pode pegar um pouco de geleia de frutas vermelhas, cereja, amora, framboesa, morango e colocar me cima, na hora de servir... Outra fruta que fica boa é damasco, mas vai depender muito do gosto de cada um. Em vez das geleias, também pode, antes de servir, decorar com as frutas. Se a fruta for muito grande, corte em pedaços pequenos.
- tente usar ingredientes de boa qualidade. Eu sei que são mais caros, mas eles vão garantir um doce muito mais gostoso, com textura e sabor muito melhores. Muitas vezes, ingredientes de qualidade inferior dificultam na preparação do doce.

agosto 02, 2011

Bolo de Amêndoa com Chocolate Amargo

Salve,

mais uma receitinha pra gente se divertir. Achei essa numa das tantas folhas que arranquei de revistas que compro e guardo só por causa de algumas receitas. Tem dias que sentamos no chão e começamos a depenar todas as revistas e colocar as receitas que interessam em um fichário. Vocês não têm idéia de como um maluco como eu tem livros e revistas com receitas...

Esta receita foi escolhida pela minha assistente de fotografia. Ela é apaixonada por chocolate amargo, coisa muito comum entre os italianos. Chocolate amargo é sempre uma opção de sabor, seja nas chocolaterias, nas confeitarias ou sorveterias. Na verdade, os italianos não curtem sobremesas muito doces e por isso o chocolate ao leite não é tão apreciado quanto no Brasil. Chocolate com leite condensando, então, nem pensar. Torcem o nariz quando conto para eles como fazemos brigadeiros. As minhas versões dos doces tipicamente brasileiros levam sempre menos açúcar para agradar o paladar italiano e, nem por isso, ficam ruim! Mas o pudim de leite feito ao modo brasileiro, com leite condensado, arrasou no meu aniversário deste ano e todos ficavam me pergutando como eu tinha feito aquela maravilha!



Bom, voltando para o doce desta semana, vamos colocar a mão na massa... de amêndoa.
 
Ingredientes


para 4 pessoas
- 200g amêndoas
- 125g chocolate amargo
- 150g açúcar
- 150g manteiga
- 3 ovos
- sal

Modo de Faze
rTempo de Preparo: 30’ | Tempo de Forno: 40’





1 - Colocar a manteiga em uma tigela e deixar amolecer. Enquanto isso, torrar as amêndoas em uma frigideira e, depois, num mixer, triturá-las até que virem farinha, junto com 100g de açúcar.





2 - Quebrar o chocolate em pedaços pequenos (querendo você pode cortar com uma faca) e derreter em banho maria ou no microondas (em intervalos pequenos, sempre tomando cuidado para não queimar o chocolate). Quando estiver todo derretido, tirar do microondas ou do banho maria e deixar esfriar um pouco.

3 - Enquanto o chocolate esfria um pouco, quebrar os ovos e separar as gemas das claras.




4 - Numa tijela média/grande, bater a manteiga já amolecida. Adicionar o que sobrou do açúcar e a mistura de amêndoas com açúcar.




5 - Continuando a bater, adicione à mistura, uma de cada vez, as gemas e o chocolate derretido, ainda morno (se o chocolate tiver esfriado esquente um pouquinho, até ficar morno).





6 - Em uma tigela grande, bater as claras com uma pitada de sal até que fiquem duras.





7 - Juntar, aos poucos, as claras batidas à mistura preparada anteriormente.



8 - Colocar a mistura na forma (forrada com papel manteiga) e assar em forno pré-aquecido a 180°C, por aproximadamente 35’.


Bom apetite!